Texto normalContraste normalAumentar contrasteAumentar textoDiminuir texto Ir para o conteϊdo

08/08/23 | Assessoria de Imprensa - SAP | Fotos: Divulgação/SAP  |  Compartilhe Facebook      Twitter      Whatsapp      Linkedin      Enviar por e-mail

Visitantes da Capital e Grande São Paulo tentam entrar com drogas em unidades prisionais


ABC

No último domingo, dia 6, uma visitante foi impedida de adentrar ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Mauá. Os policiais penais verificaram que a imagem do escâner corporal apontava para algo suspeito na vestimenta da mulher.

Em local reservado, a companheira de um dos custodiados da unidade retirou dois invólucros que estavam embutidos em seu top. Com peso de 37 gramas a substância tinha semelhança com a maconha.


A apreensão e a mulher foram encaminhadas ao 1º Distrito Policial de Mauá.

Nesse mesmo dia, outra visitante apresentou imagens anormais no seu abdome. A companheira do preso foi encaminhada ao hospital mais próximo para se submeter aos exames necessários. O resultado do exame de imagem deu conta da existência de corpos estranhos em seu intestino. Contudo, a visitante se negou a permanecer internada, assinando um termo de recusa e evadindo do local.

Ainda na região do ABC, mas desta vez no CDP de Santo André, os servidores fizeram apreensão de material ilícito por meio dos procedimentos de revista mecânica feita pelo aparelho de escâner corporal.

As imagens da companheira de um detento indicavam irregularidades na região da cintura. Ao ser indagada, a visitante informou estar trazendo algo em suas vestes. Em sala reservada, a servidora verificou que havia algo oculto no cós da calça.

Foi encontrado invólucro contendo substância análoga à maconha, além de cartelas de papel na cor preta, aparentando ser droga sintética.


A unidade registro Boletim de Ocorrência no 6º Distrito Policial do município. Internamente, o CDP instaurou procedimento disciplinas para averiguar a conduta do preso envolvido diretamente no ocorrido.

Guarulhos

Os policiais penais da Penitenciária "Desembargador Adriano Marrey" de Guarulhos fizeram uma apreensão de ilícito em correspondência enviada pela mãe do preso que cumpre pena na unidade.

Uma porção semelhante à maconha foi localizada oculta dentro do carretel de linha. Todo o material foi enviado ao 8º Distrito Policial do município.


aasassa
Topo