Texto normalContraste normalAumentar contrasteAumentar textoDiminuir texto Ir para o conteúdo

05/10/18 | Assessoria de Imprensa - SAP   Fotos: Divulgação/SAP

CDP de Mogi flagra irmã de detento com material ilícito


A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que agentes penitenciários do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Mogi das Cruzes realizaram apreensão de 40 comprimidos de estimulante sexual.

O fato ocorreu por volta do meio-dia desta sexta-feira, dia 5, quando uma mulher de 30 anos tentou levar uma sacola com alimentação para o irmão, um detento da unidade. O material ilícito foi descoberto enquanto a sacola passava pelo aparelho de raio-X, pois foi identificado um volume anormal em meio ao alimento, que era uma macarronada.

Os agentes, então, realizaram a revista mecânica e encontraram escondidos entre a carne e o macarrão 20 invólucros, revestidos de massa epóxi. Cada invólucro continha dois comprimidos de estimulante sexual. Já na garrafa PET de refrigerante, foi flagrada bebida alcóolica.

A mulher foi encaminhada para o 3º Distrito Policial de Mogi das Cruzes e teve o nome suspenso do rol de visitas da SAP. A direção do CDP ainda registrou Boletim de Ocorrência.

A SAP possui uma lista de alimentos e itens pessoais que podem ser encaminhados por familiares aos presos. Antes de chegar às mãos dos presos, no entanto, todo o material passa por revista de agentes penitenciários com o objetivo de frustrar tentativas de burlar a segurança da unidade.


aasassa
Topo