Texto normalContraste normalAumentar contrasteAumentar textoDiminuir texto Ir para o conteúdo

03/07/24 | Vivaine Henriques - Croeste  |  Compartilhe Facebook      Twitter      Whatsapp      Linkedin      Enviar por e-mail

Jornadas investem em ações para auxiliar detentos na retomada da vida em liberdade

Ofertando diversos serviços, o evento acontece em várias unidades durante o ano

Uma verdadeira maratona de prestação de serviços e ações que incentivem o preparo da pessoa privada de liberdade, para quando retomarem suas vidas após cumprirem a pena. Assim podem ser consideradas as Jornadas da Cidadania, Trabalho e Renda, que acontecem em unidades prisionais no estado de São Paulo.

A iniciativa conta com a atuação do Grupo de Capacitação Aperfeiçoamento e Empregabilidade da Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania. Na Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste, o calendário das Jornadas deste ano começou em fevereiro e se estenderá até dezembro.

Em junho o Centro de Progressão Penitenciária de Valparaíso, realizou sua 13ª Jornada da Cidadania. Na programação, além de atendimentos à saúde, jurídico e assistência social, foram exibidos filmes culturais e educativos e palestras com os temas: “A importância da família na reintegração”, “Empreendedorismo e novos rumos”, “Motivacional”, “O tabagismo e suas consequências”, “Práticas não farmacológicas para cura da depressão”, “Saúde bucal”, “A prática de atividades físicas na prevenção de doenças” e orientações sobre o objetivo da CAEF (Central de Atenção ao Egresso e Família).

Já a Jornada da Cidadania da Penitenciária I “Vereador Frederico Geometti” de Lavínia, foi realizada no último dia 13 de junho. O objetivo principal foi de promover ações voltadas a favorecer a inserção de pessoas privadas de liberdade no mercado de trabalho, auxiliando na retomada das atividades laborais e na promoção da cidadania. Entre os atendimentos de saúde e demais assistências, foram ministradas as palestras: “Saúde Bucal”, “Saúde Coletiva”, “Cordel”, “Perigos da Automedicação” e orientações sobre a CAEF.

Na Penitenciária III “ASP Paulo Guimarães” de Lavínia a Jornada teve como intuito expandir o trabalho que já é realizado na rotina da unidade. O evento foi ainda uma ocasião para estreitar a interação entre diversos segmentos da sociedade, reforçando os vínculos e firmando parcerias com diversos colaboradores, autoridades e representantes de instituições, para que conheçam o trabalho desenvolvido e contribuam para o fortalecimento de ações voltadas à execução das penas e ao processo de futura reinserção social.

Durante a Jornada, foram realizados atendimentos médicos, odontológicos, exames, testes rápidos e outros. As palestras desenvolvidas proporcionaram aos sentenciados uma nova ideia acerca da sua liberdade.

A Penitenciária de Flórida Paulista ofertou durante a sua Jornada da Cidadania uma série de ações que forneceram importantes ferramentas no processo de reintegração social à população carcerária. No dia houve diversos atendimentos, como corte de cabelo, plantão jurídico, assistência médica, odontológica e de enfermagem, palestras educativas, atividades culturais, oficina de artesanato, emissão e regularização de documentos pessoais, entre outros.

O que são as Jornadas da Cidadania, Trabalho e Renda?

As Jornadas são eventos realizados em unidades de todo o Estado, onde reeducandos têm acesso a diversos atendimentos. Entre eles podemos citar a emissão de documentos, atendimentos médicos e de saúde em geral, assistência jurídica e social, além de palestras e eventos culturais.

aasassa
Topo